Sticky

Autor: Carlos Gomes de Oliveira (ISEC Lisboa, gomes.oliveira@iseclisboa.pt) (artigo de opinião/divulgação/síntese de trabalhos anteriores) 1 PROPÓSITO 1.1 Enquadramento Qualquer entidade é vulnerável. Tal significa que está sujeita a danos resultantes da sua interação com a envolvente. A vulnerabilidade pode definir-se como o inverso da capacidade de resistência a agressões, sejamRead More →

Resumo No canteiro de obra são realizados diversos tipos de atividades com durações diferentes, que podem expor o funcionário a muitos tipos de riscos de acidentes. Os riscos ocupacionais mais frequentes na construção civil são quedas em grandes alturas, manejo de máquinas, equipamentos e ferramentas pérfuro-cortantes, instalações elétricas, uso deRead More →

Continuação do Estudo da revista n.º 234. Estudo dos Questionários Recebidos e validados os respectivos questionários são revelados os primeiros resultados que começam por demonstrar que 40% dos indivíduos do sexo masculino que responderam ao inquérito apresentam obesidade, tendo sido apresentado por 3 elementos obesidade excessiva, dos restantes 60%, apresentamRead More →

Introdução O sistema musculosquelético sob o controle do sistema nervoso, é responsável pelos movimentos e pela sustentação das posturas do corpo e também pela protecção de órgãos e tecidos muito sensíveis. Segundo Rio e Pires (2001, p.15), por sistemas musculosqueléticos entende-se o conjunto de músculos, tendões, ossos e membranas (fáscias).Read More →

1. Introdução Tratar a formação superior em engenharia de segurança implica, necessariamente, três níveis de abordagem:  É uma formação superior (nível 6, 7 ou 8 do Quadro Nacional de Qualificações), o que implica que seja ministrada num Estabelecimento de Ensino Superior (Universitário ou Politécnico) devidamente credenciado, sendo a estrutura, corpoRead More →

Introdução Através do presente artigo procura-se aclarar o primordial papel que a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (abreviadamente designada por ASAE) desempenha na proteção da segurança alimentar, e da economia em geral, tarefas especialmente prementes face à maior tendência dos ataques a tais bens jurídicos potenciados pelos mais diversosRead More →