Liderar no Mundo da Indústria 4.0

Autor: Paulo Gil Martins (Professor adjunto do ISEC Lisboa, Engenheiro Técnico e Especialista em Proteção Civil com Provas Públicas, Vice-presidente do Conselho Técnico-científico da Escola de Tecnologias e Engenharia do ISEC Lisboa, Coordenador e Docente da Licenciatura de Engenharia de Proteção Civil do ISEC Lisboa, Vice-presidente do Colégio de Engenharia de Proteção Civil da Ordem dos Engenheiros Técnicos)  

O termo “Indústria 4.0” teve origem em 2011 num projeto estratégico de alta tecnologia apresentado ao Governo Alemão. Este projeto adotado em 2013, deu origem à Quarta Revolução industrial.

O seu fundamento básico implica a integração e interação entre máquinas, sistemas e ativos. As empresas poderão criar redes inteligentes ao longo de toda a cadeia de valor, que podem controlar os módulos de produção de forma autónoma.

Ou seja, estas “empresas inteligentes”, terão a capacidade e autonomia para agendar manutenções, prever falhas nos processos e adaptar-se aos requisitos e mudanças não planeadas na produção. Quando todos os produtos e máquinas estiverem integrados digitalmente, qualquer pessoa através dos telemóveis, tablets ou computadores, pode operar remotamente todos os eletrodomésticos em casa, ligar o carro, regular o caudal de rega do jardim, falar com robots que obedecem às suas ordens, mas que também sugerem músicas ou programas de televisão, porque conhecem as suas preferências… e a partir daqui, tudo o que possamos imaginar é possível…

    Para continuar a ler, faça já a sua assinatura.

Assinatura Revista “segurança”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *