Podem Jóias e Ornamentos ser radioactivos?

Autor: Fernando P. Carvalho (Laboratório de Proteção e Segurança Radiológica, Instituto Superior Técnico/Campus Tecnológico Nuclear, Universidade de Lisboa)

Em 2018 as autoridades Suíças emitiram um pedido de recolha de certo tipo de jóias, conhecidas no mercado por «jóias de iões negativos» ou «jóias energéticas». Tratava-se de colares e braceletes fabricados com pedras ou outros mate-riais radioactivos [1].
Não é normal, nem tolerável, que sejam colocados objectos radioactivos ao dispor do público por óbvias razões de proteção da saúde. Mas como pode isto acontecer e qual a gravidade?

Pedras preciosas, semipreciosas e «pedras de bem-estar» com radioactividade

Existem diversos minerais que contêm elementos químicos radioactivos de origem natural. É o caso, por exemplo, de turmalinas, do rubídio, e do zircónio.

 

Para continuar a ler, faça já a sua assinatura.

Assinatura Revista “segurança”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *